Fábio Custódio

Endereço:
Boa Vista
Cocal do Sul, Santa Catarina 88.845-000
Brasil
fone:
ver fone(48) 8825-5160

Descrição

O Brasil tem na região sul seu maior potencial de desenvolvimento: humano e tecnológico. Uma gigante porção de terras que agrupa pessoas das mais diversas origens raciais e que comungam no dia a dia a ação verbal do empreender, trabalhar, progredir.

A migração dentro da região é positiva porque a troca de experiência aprimora técnicas, encurta distâncias e humaniza ainda mais as cidades. Trás gente com boa bagagem para nos auxiliar a quem sabe descobrir coisas novas e faz melhorar ainda mais nossa visão sobre nossos vizinhos.

Fábio Custódio é gaúcho de Porto Alegre, nascido a 27 de março de 1974 e é um desses bons exemplos de translados que beneficia a todos. Vindo de uma metrópole com todas as suas nuances próprias, não só de progresso, como também em seus problemas cotidianos; eis que sua experiência é impar para toda cidade que está em processo de crescimento.

Fábio é casado com Cirlene Bonomi Custódio desde 30 de novembro de 1996 e juntos dividem a alegria e responsabilidades de educação do filho Victor Bonomi. O nobre edil viveu em sua cidade natal até os oito anos de idade e depois veio transferir-se para Cocal do Sul com seus progenitores o senhor e senhora Paulo e Jucenir Gomes Custódio. A preocupa-ção do casal era colocar o filho Fábio no cami-nho da educação, e ele principiou seu estudo fundamental no Colégio Estadual Professor Padre Schüller, lá permanecendo até formar-se no segundo grau.

Em seu currículo de trabalho consta uma estada de quatro anos a serviço de uma das maiores empresas cerâmicas do país a Eliane. Em seguida, por um período de seis anos esteve a serviço da próspera e crescente Construção Civil.

Convencido de que deveria estabilizar-se definitivamente arriscou participar de um concurso público e conseguiu uma vaga para atender a APAE de Cocal do Sul na função de motorista.

Sua vida e juventude foram dedicadas à comunidade de uma forma geral, passando pela associação do bairro como membro da diretoria e viria também ser Presidente da Associação dos Moradores do Bairro Boa Vista por dois anos.

Na família da esposa já havia indícios que levariam nosso jovem vereador a optar pela carreira política, haja vista que seu sogro Irio Bonomi teria concorrido por dois pleitos consecutivos a uma vaga para o legislativo nos anos de 1992 e 1996, entretanto não logrando seu intento. Foi exatamente no ano de 1996 que a convite de Nilson Bortolatto viria ingressar nas fileiras do PFL. Mas sua estada junto ao PFL, hoje com nova leitura DEM, iria verificar-se até 2007 quando optara migrar de partido derivando para o PSDB.

Sua história nas eleições de 2008 teve a participação decisiva do amigo Ediraldo Albano – este último funcionário público – que o levaria pelo convencimento e argumentação a aceitar a hipótese de ser candidato. Depois de algumas reflexões Fabio decide-se finalmente em aceitar o desafio e vai lutar para realizar o objetivo. Os resultados foram razoáveis para uma primeira tentativa porque não é fácil conseguir 285 sufrágios para ser vereador naquele colégio eleitoral. Com essa quantidade de votos ficou como primeiro suplente e depois viria assumir a cadeira no legislativo em função de que o titular Ângelo Vicente a deixara vaga porque iria assumir, a convite do prefeito, o cargo de Secretário de Finanças e Planejamento. No primeiro ano do mandato eleito por seus pares veio compor a Mesa Diretora ocupando a comissão de finanças e em 2010 ocupou a comissão de justiça.