Adiles Maria Bregala

Endereço:
Rua Espirito Santo,979
Cunha Porã, Santa Catarina 89.890-000
Brasil
fone:
ver fone(49) 3646-1040
celular:
ver celular(49) 9113-4717
Entre em Contato

Descrição

Adiles Maria Bregala é natural da cidade de Cunha Porã e nasceu a 24 de dezembro de 1965, brindando seus progenitores Ermelindo Bregala e Irma Rampi Bregala.

Adiles Maria que é casada com Ilvano Bregalda – que é profissionalmente cirurgião dentista – e tem com ele os filhos João Pedro e Marco Antonio Bregalda. Considera seus três irmãos: Leonor, Marici e Altair seus melhores e inseparáveis amigos.

Suas primeiras palavras foram compreendidas e aprendidas na Escola Professor Patrício João de Oliveira. Já seu segundo grau, iniciou e concluiu na cidade de Chapecó pelo educandário Coronel Bertoso.

A extensa lista de empresas nas quais colaborou como eficiente profissional que sempre foi:

Na Rádio Iracema da cidade de Cunha Porã se destacou como discotecária e locutora do conhecido programa Clube dos Namorados.

Conquistou seus superiores e a clientela da Volvo do Brasil – Dicave -, filial de Chapecó com sua simpatia e capacidade profissional na área do Departamento de Vendas.

Junto à Cooperativa Central Oeste Catarinense em Chapecó, também na área de vendas, deu provas de sua capacidade e potencialidade no relacionamento empresa cliente.

Também esteve presente junto à Empresa Incorel – Indústria e Comércio de Fios na cidade de Chapecó, para atestar sua competência.

Em face de seu enlace matrimonial, retornou a Cunha Porã, onde se dedicou profissionalmente, a administrar os consultórios odontológicos de seu marido.

No Universo paralelo de atividades, Adiles Maria sempre procurou a filantropia como fórmula de evoluir espiritualmente fazendo o bem a quem necessitasse e imbuída do sublime propósito em ajudar envolveu-se com o esporte, como atleta e membro da diretoria das modalidades em vôlei e handball, participou junto ao Lyons Clube de inúmeros projetos sociais e lá atrás em sua vida estudantil integrou e participou ativamente do Grêmio Estudantil.

Já precocemente, com a idade de quinze anos escreveu seu primeiro livro em edição independente. Na cidade de Chapecó compôs a ACHE – Associação dos Escritores de Chapecó; sendo ainda Presidente do Jardim de Infância Pequenos Brilhantes no período compreendido entre 2007 e 2008.

No ano de 2008 suas primeira participação em um pleito eleitoral, tendo sido a vereadora mais votada das eleições com a quantidade de 642 votos pelo seu partido o PP – Partido Progressista.

Em 2009 foi eleita por seus pares para conduzir a Presidência da Câmara Municipal de Cunha Porã, consignando neste ato um fato histórico; sendo a primeira mulher a assumir um cargo daquela importância. Foi reeleita para o segundo mandato como Presidenta da Câmara Municipal a partir de 31 de dezembro de 2010.

Atualmente atua como Secretária da Mesa Diretora para o período compreendido entre 2011 e 2012. No ano de 2011 foi eleita para assumir o cargo de Secretária da UVESC – União dos Vereadores do Estado de Santa Catarina – pelo voto de todos os associados com direito a voto.

Sua história política tem raízes na família, quando seu pai Ermelindo Rampi havia exercido o cargo de Vice-Prefeito pelo município de Cunha Porã tendo sido também Secretário da Piscicultura (Secretaria do Oeste na cidade de Chapecó). Segundo Adiles Maria Bregala, seu pai, sempre foi e sempre será seu exemplo-mor de idoneidade e dignidade a ser seguido. Assevera ela que durante sua trajetória política, jamais discriminou qualquer que fosse cidadão, independente de sua sigla partidária, valorizando sobremaneira todos os moradores da cidade; ele que particular-mente edificou uma tradicional empresa hoje administrada pelos filhos: a Cerâmica Cunha Porã, a mais antiga da cidade.

“Entrei na política porque sempre tive vontade de ajudar o povo cunhaporense nos mais diferentes seguimentos, como: empresarial, saúde, cultural, na agricultura e principalmente na educação. Sempre quis fazer parte desse fabuloso desenvolvimento de meu município, e quando de minhas atribuições como parlamentar, exercendo uma fiscalização responsável sobre a administração pública, com muito respeito ao dinheiro público. Cresci em um ambiente essencialmente político, onde lideranças comunitárias, vereadores, prefeitos, deputados e governadores, faziam parte de nosso dia a dia. Não podemos esquecer-nos de nossos munícipes que naquele período faziam de nossa residência uma espécie de extensão da Prefeitura; muitas vezes trazendo soluções e opiniões, mas acima de tudo muito participativos em nossas decisões. Foi desta forma que pudemos valorizar suas realizações, ouvindo e respeitando a todos. Foi desta forma que aprendi dentro de casa a fazer política. Um grande líder é aquele que sabe respeitar seus companheiros lembrando que eles são o alicerce de todo um trabalho que leva a conquistas e ao sucesso. Aquele que, diferentemente não consegue ver o valor e a grandeza do conjunto que forma a sociedade, já nasce derrotado. Acredito piamente que só o coletivo traz mais e melhores resultados para o conjunto.”