Ademir Gesing

Endereço:
Rua Monsenhor Frederico Tomborck, 1300
Centro
São Ludgero, Santa Catarina 88.730-000
Brasil
celular:
ver celular(48) 9104-4499

Descrição

Sabe aquelas histórias que já vimos no cinema ou até mesmo na televisão em filmes ou desenhos animados em que a chave do município era confiada ao Prefeito da Cidade em sinal de respeito à credibilidade que se dá a essa autoridade constituída. Na verdade depois de tanta depuração histórica - onde a imprensa teve papel importante num período de exceção democrática – se tem cometido algumas injustiças para com a classe política.

Nós de Lideranças Políticas acreditamos que o real motivo que leva um cidadão ou uma cidadã a - privar-se de todo seu tempo, da companhia de seus entes queridos, de ouvirem por vezes injúrias, de deixarem de lado seus interesses financeiros e às vezes até sofrerem atentados à sua própria segurança - é a vontade maior de servir e levar bem estar a seus concidadãos. Esse é o primeiro sentimento que as sentem antes de imaginar até que tipo de discurso vai adotar em palanque político. Bons e maus cidadãos existem em todos os seguimentos.

Por conseguinte retomamos ao primeiro parágrafo para imaginarmos um prefeito com as características de bonachão, simpatia, senso profissional, a voz rouca e o coração na mão, muito semelhante a Ademir Gesing o homem que carrega nas mãos a chave de sua cidade natal: São Ludgero.

Nascido a 27 de março de 1956, o quinto de onze filhos do tradicional casal senhor José Gesing e senhora Lidia Wesller Gesing, causa a seus progenitores uma satisfação acima do limiar por todas suas conquistas no campo pessoal, profissional e público.

Vida fácil e sucesso em raríssimos casos combinam. Não seria a vida difícil de Ademir a exceção. Sabem por quê? Desde pequeno mostrou sua garra auxiliando seus pais na dura vida da lavoura; permanecendo nesses afazeres até completar seus 18 anos de idade. Até aquele momento foi de grande valia juntamente com seus irmãos para tirarem das próprias terras próprias o alimento que a principio os nutriria e faziam ainda do excedente mercadoria que era vendida por toda região a exemplo de batatas, aipim, e outros gêneros; agregando ainda as atividades de criação de gado bovino e suíno.

Mas naquele ano em especifico decidiu que faria seu próprio caminho e se muda para Joinvile para trabalhar naquele que é considerado um dos mais completos parques industriais do país. Seu currículo foi preenchido ao longo dos anos através de três empresas, sendo a primeira na verdade em Garuva, denominada de Brasília Obras Públicas – responsável pela construção do oleoduto que fazia a conexão entre a cidade de São Francisco do Sul no estado catarinense a Araucária no estado paranaense. Depois daquela experiência registra-se na Mecânica Moretti em Joinville e após um bom período de trabalho atinge a posição de Chefe de Setor de Peças. Sua vida profissional na região vai terminar junto à Construtora Arcelino João Ramos na qualidade de encarregado do setor pessoal.

De Joinville à Florianópolis. A mudança ocorre em função de seu êxito quanto ao concurso prestado para ingressar no BESC – Banco do Estado de Santa Catarina, hoje encampado pelo Banco do Brasil. Ele foi admitido em dezembro de 1977 para trabalhar na recém inaugurada agência de sua cidade natal São Ludgero com o cargo inicial de Escriturário, passando por todos os cargos possíveis, para finalmente atingir o posto de Gerente de Agência após um período total de 13 anos de relevantes serviços prestados. Sua primeira nomeação como gerente se deu em meados do ano de 1982. No desenvolvimento de suas atribuições atendeu também nas localidades de Treze de Maio e Armazém num total de dois anos. Hoje se encontra estabilizado em seu próprio ramo de negócios, mais especificamente na área industrial desde 1991, atendendo toda região há mais de 18 anos, no ramo da produção de doces.

Ademir foi também atrás de sua estabilização pessoal realizando seu objetivo de constituir uma bela família ao lado de sua hoje esposa a senhora Gisela Schlickmann – que também é empresária. O ato é concretizado com glamour a 29 de novembro de 1980, e da união matrimonial advieram os filhos Diogo Schlickmann (in memorian) e Kátia Schlickmann Gesing; à qual a família se prontifica em conduzir dentro dos mais altos padrões de educação e cidadania.

A par de todas suas atividades ainda encontra tempo para da sua colaboração abnegada no exercício de tarefas sociais em diversos níveis. Na área religiosa desenvolve um bom trabalho como um dos membro do movimento de irmãos da igreja da matriz de S Ludgero. Já na área esportiva desponta como Diretor da Sociedade Recreativa e Esportiva de São Ludgero tendo se sagrado juntamente com a equipe Campeão da Liga Regional. Como atleta teve seus momentos de glória em 1989 quando jogava pela mesma sociedade esportiva como lateral direito, vendo seu time conquista o campeonato da Liga Tubaronense.

Sua vida pública tem início em 1999, quando através do convite do presidente do PP e simultaneamente pelo convite do presidente do PMDB Blásio Warmelling é escolhido para ser candidato de consenso daquela coligação para as eleições no ano de 2000. O pedido foi recebido com certo assombro por Ademir, até porque apesar de todo seu embasamento com a comunidade não praticava a política partidária. Mediante a persuasão dos anfitriões e de muitos simpatizantes à sua candidatura, preenche todos os quesitos legais e aceita o desafio chegando muito perto do objetivo, pois só perdera por uma margem pequena de votos.

O sabor da derrota do pleito anterior aguçou sua vontade de reverter o ocorrido e no ano de 2004 - como militante do PMDB e com chapa pura que tinha como seu Vice- Prefeito o companheiro Dimas Schlickmann – experimenta o doce sabor da vitória sentindo a satisfação de, devolver o placar do pleito anterior ainda com certa folga. Depois de seus primeiros quatro anos de mandato consegue a reeleição pelo sucesso de seus trabalhos administrativos, mantendo uma administração irrepreensível.

Hoje tem a sua disposição um colegiado de primeiro escalão da maior competência e o resumo de suas realizações no período compreendido entre 2004/2010 podem ser resumidos com uma única palavra OBRAS. Sua administração é responsável pela conclusão de 4 salas de aulas no Colégio Henrique Buss, vindo construir mais um prédio com 08 salas de aula no mesmo educandário. Deu cabo à Construção da Creche, sendo esta, fruto da transformação da Escola Don Gregório Warmelling com capacidade para atender 300 crianças.

Na área de infra-estrutura a compra de uma retro para o setor de obras e viação deu grande impulso para desenvolvimento não somente da área de viação como também para o setor agrícola. Várias pontes de concreto foram construídas para atender a demanda do setor agrícola. Denotando consciência e inteligência política deu continuidade aos trabalhos de tratamento de esgotos iniciados por administrações anteriores, que garante à cidade a referência de modelo com o segundo lugar em todo Brasil a desenvolver esse setor. Neste último ano construiu uma adutora para captação de água desde o rio Pinheiro até estação de tratamento em Bom Retiro Baixo – região também conhecida como Grota Funda. Graças a isso São Ludgero detém um índice de 98 por cento de canalização e tratamento de seus esgotos.

Sua administração também é pautada por muitos projetos na área de saúde, sendo um dos mais importantes a descentralização dos TSFs – a contratação de quadro de médicos e dentistas com excelência de especialização e serviços e deu grande ênfase aos trabalhos do posto de atendimento 24 horas. Também em seu mandato foi criado o CRAS – Centro Referencia de Assistência Social. Primeiro passo criação de conselhos para instituição dos planos de assistência social e de saúde para finalmente instituir o plano diretor que vai dar as coordenadas importantes para desenvolvimento sustentável do município. Atribuição para criar uma fundação do meio ambiente para regulamentação de licenças ambientais através de um órgão municipal com a ingerência de outras instituições.

Na área esportiva deu ênfase muito grande ás categorias de base com destaque para o campeonato municipal que é muito famoso. Esportes como Karatê, Judô e Kit boxe foram incluídos na pauta e acabou redundando em novas medalhas para o município. A equipe de Kit Boxe sagrou-se campeã sul americana.

Um dos maiores legados para a área cultura foi o translado dos restos mortais do filósofo Huberto Rhoden para São Ludgero que contou com todo apoio da família e da editora Martin Claret de São Paulo. A totalidade do grande projeto iniciado e em andamento deve ser concluída com chave de ouro com a construção do Memorial Huberto Rhoden que, uma vez concluído se transformará num grande nicho de turismo religioso.

O que mais dizer de nosso querido prefeito Ademir Gesing? Ah sim! Foi eleito para Presidência da AMESG – Associação dos Municípios da Encosta da Serra Geral no qual permanece até o final de 2010. Diremos ainda que, segundo informações coletadas pela nossa equipe de campo em seu gabinete, seu desejo é realizar todos os compromissos acordados em campanha e depois pretende deixar a vida pública para se dedicar aos próprios negócios. Segundo sua opinião é favorável à renovação no processo político e vai acompanhar dos bastidores a formação de novas lideranças.

Quando se chega à sede da Prefeitura de São Ludgero vemos estampado no Mural da entrada principal a seguinte frase de Soren Kierkengaard:

“A vida só pode ser compreendida quando se olha para trás, mas só pode ser vivida quando se olha para frente”

Teria sido essa uma profecia feita a esse exemplo de administrador público?